Notícias

Esse canal é atualizado de segunda a sexta-feira, das 8 às 18 horas. Nele você encontra notícias sobre a empresa e os boletins enviados para a imprensa.

Para mais informações, consulte também o Twitter e o mapa interativo do site.

Assessoria de imprensa: (53) 99983-2398 ou satoleppress@terra.com.br

Pesquisa IPO aponta maior índice de aprovação dos serviços prestados pela Ecosul nas BRs 116 e 392

Publicado em 17 de set de 2021 às 09:00

Pesquisa IPO aponta maior índice de aprovação dos serviços prestados pela Ecosul nas BRs 116 e 392

Mais de 82% dos motoristas avaliaram positivamente as ações da concessionária

 

A mais recente pesquisa de satisfação dos usuários do Polo Rodoviário Pelotas indicou o maior índice de aprovação dos serviços prestados pela Ecosul na BR-116 e na BR-392 desde 2002. Em relação à análise geral dos serviços na rodovia no levantamento feito pelo Instituto Pesquisas de Opinião (IPO), 82,1% dos motoristas entrevistados avaliaram as ações da concessionária com notas positivas (7 a 10). A média da soma de 33 serviços prestados pela empresa foi de 8, numa escala de zero a 10. Desse total de serviços avaliados, 31 ficaram acima do valor de referência da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), de 7. As áreas com melhor desempenho foram as de serviços de assistência ao usuário e de limpeza e visibilidade da rodovia, ambas com média de 8,6. Nelas, estão inseridas ações como atendimento médico/ambulância, eficiência no atendimento a acidentes e eficiência do serviço de guincho e remoção. “A pesquisa demonstrou que o usuário está satisfeito com os serviços prestados pela Ecosul. Captou o melhor indicador da série histórica em um momento ímpar de pandemia. O usuário está cada vez mais experiente e reconhece que a Ecosul garante a manutenção da rodovia e, principalmente, a sua segurança com um pronto atendimento no caso de emergência mecânica ou médica”, analisa a diretora do IPO, Elis Radmann.

Outras áreas importantes, como a sinalização das rodovias, também tiveram destaque positivo. Os serviços de sinalização da estrada e das curvas alcançaram conceito médio de 8,3. A avaliação do pavimento das rodovias também subiu, chegando à média de 7,4, melhor índice desde 2010. O atendimento de emergência pelo 0800 também foi bem avaliado, com nota média de 8,4. “São mais de 850 colaboradores trabalhando na operação e nas obras de conservação em mais de 450 quilômetros. Nosso serviço está disponível 24 horas a todos os usuários. Ao longo dos anos temos procurado sempre qualificar nossas ações e ficamos satisfeitos que esse trabalho está tendo resultado, segundo a avaliação dos motoristas, conforme demonstrou a pesquisa”, destaca o diretor-superintendente da Ecosul no Polo Rodoviário Pelotas, Fabiano Medeiros. Mesmo na área com a menor média de avaliação (outros serviços – média 7,3), houve melhora em relação à pesquisa anterior, realizada em 2019. O item “fiscalização de sobrecarga/pesagem, subiu de 7,3 para 7,5, e o item “segurança contra assaltos (policiamento ostensivo), subiu de 5,5 para 6,3 neste ano. Realizada entre os dias 16 e 24 de junho, a pesquisa ouviu 900 entrevistados, de forma híbrida, entre condutores de veículos de passeio e de carga/caminhão, com entrevistas presenciais nas praças de pedágio e postos de combustíveis nas imediações das praças e por telefone. A margem de erro é de três pontos percentuais com intervalo de confiança de 95%.

 

Serviços

O trabalho da Ecosul no Polo Rodoviário Pelotas inclui a operação diária de 457,3 quilômetros de rodovias. Entre outras ações, a concessionária é responsável por atendimentos de emergência 24 horas aos usuários, como serviços de atendimento médico com ambulâncias, socorro mecânico e remoção de veículos por meio de guinchos. Os serviços envolvem, em média, anualmente, assistência a mais de 230 mil pessoas nas unidades de atendimento. Entre 2001 e 2020, foram prestados 36 mil atendimentos médicos, 311 mil socorros mecânicos e o resgate de mais de 1,1 mil animais nas rodovias. Além das permanentes ações de sinalização, atendimentos via 0800 e limpeza da pista, mensalmente são 3,5 milhões de metros quadrados de área roçada, o equivalente a mais de 400 campos de futebol.

 

Certificações

Os serviços, os sistemas de gestão ambiental e da qualidade da Ecosul possuem certificação em normas internacionais, alcançadas por meio dos selos ISO 9001, ISO 14001, OHSAS 18001 e, mais recentemente, ISO 39001, referente a boas práticas de gestão da segurança viária para prevenir acidentes envolvendo usuários da rodovia e colaboradores da empresa.

 

Confira os principais dados da pesquisa

 

AVALIAÇÃO GERAL DOS SERVIÇOS NA RODOVIA

Avaliação positiva (notas entre 7 e 10): 82,1% - melhora de 14,5% em relação a 2019

Avaliação média (notas 5 e 6): 13,6%

Avaliação negativa: (notas entre 1 e 4): 4,3%

 

SITUAÇÃO DOS 33 SERVIÇOS AVALIADOS

Média geral dos 33 serviços: nota 8,0 – melhora de 6,7% em relação a 2019

Serviços que ficaram acima da média geral: 30 (90,9%)

Serviços com média igual a geral: 2 (6,1%)

Serviços que tiveram média menor que a geral: 1 (3%)

 

ÁREAS COM MELHORES NOTAS

Assistência ao usuário: média de 8,6

              • Atendimento médico/ambulância: 8,9

              • Eficiência no atendimento a acidentes: 8,8

              • Eficiência do serviço de guincho/remoção: 8,7

 

Limpeza e visibilidade da rodovia: média de 8,6

              • Limpeza da pista: 8,8

              • Limpeza das laterais da rodovia: 8,6

 

Sinalização da rodovia: média de 8,3

              • Sinalização das curvas: 8,5

              • Sinalização da estrada: 8,4

 

Comunicação e informação: média de 8,2

              • Atendimento de emergência pelo 0800: 8,4

              • Atualização e qualidade da Revista Ecosul: 8,3

 

Serviço do pedágio de forma geral: média de 8,2

              • Atendimento dos colaboradores na praça de Pedágio: 9,0

              • Facilidade e rapidez no pagamento: 8,4

 

ÁREA COM MENORES NOTAS

 

Outros serviços: média de 7,3

              • Fiscalização de sobrecarga/pesagem: 7,5

              • Segurança contra assaltos (policiamento preventivo): 6,3