Notícias

Esse canal é atualizado de segunda a sexta-feira, das 8 às 18 horas. Nele você encontra notícias sobre a empresa e os boletins enviados para a imprensa.

Para mais informações, consulte também o Twitter e o mapa interativo do site.

Assessoria de imprensa: (53) 99983-2398 ou satoleppress@terra.com.br

Podcast VivaEco aborda consequências de cargas em excesso nas rodovias

Publicado em 23 de abr de 2021 às 15:00

Podcast VivaEco aborda consequências de cargas em excesso nas rodovias

O excesso de cargas resulta em riscos para segurança viária e o desgaste das rodovias, entre outros fatores debatidos nas entrevistas disponíveis no podcast Vivaeco

 

As consequências do excesso de peso de cargas nas estradas vão desde risco de acidentes até o comprometimento dos veículos, maior consumo de combustível e prejuízos às rodovias com precoce desgaste do pavimento. O novo episódio do Podcast Vivaeco da Ecosul “Caminhão com excesso de peso” traz o tema ao debate. O coordenador de tráfego da concessionária, Nicolau Delucis e o técnico em serviços de transporte terrestre da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Paulo Lopes Marques são os entrevistados do nono episódio da programação e ressaltam os motivos pelos quais a capacidade de carga de cada veículo deve ser respeitada.

Um dos critérios para garantir a segurança das estradas é o carregamento adequado dos veículos pesados, de forma a evitar a sobrecarga ou a concentração do peso em um dos lados do caminhão, o que pode levar à falta de estabilidade. Por isso, o artigo 323 do Código Brasileiro de Trânsito, conhecido como Lei da Balança, regulamenta a pesagem. No Polo Rodoviário Pelotas existem duas balanças para fazer a fiscalização e controle de pesos destes caminhões: uma no Retiro, em Pelotas, no km 512, da BR-116 e outra no Capão Seco, em Rio Grande, no km 48 da BR-392. Segundo Nicolau, os veículos com excesso de carga representam um grande perigo nas estradas. “Além da redução da estabilidade, os caminhões sofrem maior desgaste nos pneus e de seus componentes”, destaca. Somados a isso estão os prejuízos à estrutura viária, já que a sobrecarga no pavimento causa buracos que também comprometem a segurança de todos os veículos que trafegam nas rodovias.

Um dos principais fatores que hoje prejudicam a estrutura viária das rodovias brasileiras, está diretamente ligado ao excesso nos transportes de cargas, já que os critérios de dimensionamento de uma estrutura de pavimento se baseiam: no tráfego e na estrutura da rodovia. Ao analisar o tráfego, se utilizam os volumes de cargas legais, previstas no nosso código de transito brasileiro. “Desta maneira fica implícito que quando estas cargas estão acima do que a lei determina, o período de vida útil de uma rodovia diminui consideravelmente, pois não está preparada para aguentar uma carga superior às previstas na legislação brasileira”, detalha.

A pesagem do caminhão é feita de acordo com o peso por eixo, para garantir que a distribuição seja equilibrada, o que evita a sobrecarga em determinados pontos. De acordo com o técnico em serviços de transporte terrestre da ANTT, Paulo Lopes Marques, toda a legislação que estabelece os limites de peso está no Código Transito Brasileiro (CTB) ou nas resoluções do CONTRAN. “Cada veículo tem um limite específico de peso e capacidade e quando constatamos que o veículo está carregando um peso maior do que a sua capacidade, o responsável é autuado”, explica. Dependendo da quantidade de excesso, estão previstas penalidades nas resoluções do CONTRAN. “Com começo da safra de soja o movimento é bastante grande no sentido do Porto de Rio Grande, portanto é fundamental que haja este controle”, reitera. O podcast VivaEco é produzido na estrutura da rádio interna da concessionária e o bate-papo é conduzido por Gabriela Krolow. A entrevista completa sobre este importante assunto está disponível nas plataformas de áudio: Spotify, Deezer, Google Podcasts, Rádio Public, Anchor, Breaker, Pocket Casts, Spreaker, Podcast Addict, Podchaser entre outros.

(Fotos: Larissa Martins/Ecosul) 

 

Serviço:

 

Podcast Vivaeco – episódio “Caminhão com excesso de peso”

Apresentação: Gabriela Krolow

Entrevistados: Nicolau Delucis (coordenador de tráfego da Ecosul) e Paulo Lopes Marques (técnico em serviços de transporte terrestre da ANTT).

 

Links para ouvir:

https://www.deezer.com/br/episode/290763252?utm_campaign=clipboard-generic&utm_source=user_sharing&utm_medium=mobile&utm_content=talk_episode-290763252

 

 

https://open.spotify.com/episode/1glRLpTW8mruzWIwEdb2YW?si=9Pg82A_qRNK-rGi2q59W-Q&nd=1

Podcast VivaEco aborda consequências de cargas em excesso nas rodovias

O excesso de cargas resulta em riscos para segurança viária e o desgaste das rodovias, entre outros fatores debatidos nas entrevistas disponíveis no podcast Vivaeco

 

As consequências do excesso de peso de cargas nas estradas vão desde risco de acidentes até o comprometimento dos veículos, maior consumo de combustível e prejuízos às rodovias com precoce desgaste do pavimento. O novo episódio do Podcast Vivaeco da Ecosul “Caminhão com excesso de peso” traz o tema ao debate. O coordenador de tráfego da concessionária, Nicolau Delucis e o técnico em serviços de transporte terrestre da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Paulo Lopes Marques são os entrevistados do nono episódio da programação e ressaltam os motivos pelos quais a capacidade de carga de cada veículo deve ser respeitada.

Um dos critérios para garantir a segurança das estradas é o carregamento adequado dos veículos pesados, de forma a evitar a sobrecarga ou a concentração do peso em um dos lados do caminhão, o que pode levar à falta de estabilidade. Por isso, o artigo 323 do Código Brasileiro de Trânsito, conhecido como Lei da Balança, regulamenta a pesagem. No Polo Rodoviário Pelotas existem duas balanças para fazer a fiscalização e controle de pesos destes caminhões: uma no Retiro, em Pelotas, no km 512, da BR-116 e outra no Capão Seco, em Rio Grande, no km 48 da BR-392. Segundo Nicolau, os veículos com excesso de carga representam um grande perigo nas estradas. “Além da redução da estabilidade, os caminhões sofrem maior desgaste nos pneus e de seus componentes”, destaca. Somados a isso estão os prejuízos à estrutura viária, já que a sobrecarga no pavimento causa buracos que também comprometem a segurança de todos os veículos que trafegam nas rodovias.

Um dos principais fatores que hoje prejudicam a estrutura viária das rodovias brasileiras, está diretamente ligado ao excesso nos transportes de cargas, já que os critérios de dimensionamento de uma estrutura de pavimento se baseiam: no tráfego e na estrutura da rodovia. Ao analisar o tráfego, se utilizam os volumes de cargas legais, previstas no nosso código de transito brasileiro. “Desta maneira fica implícito que quando estas cargas estão acima do que a lei determina, o período de vida útil de uma rodovia diminui consideravelmente, pois não está preparada para aguentar uma carga superior às previstas na legislação brasileira”, detalha.

A pesagem do caminhão é feita de acordo com o peso por eixo, para garantir que a distribuição seja equilibrada, o que evita a sobrecarga em determinados pontos. De acordo com o técnico em serviços de transporte terrestre da ANTT, Paulo Lopes Marques, toda a legislação que estabelece os limites de peso está no Código Transito Brasileiro (CTB) ou nas resoluções do CONTRAN. “Cada veículo tem um limite específico de peso e capacidade e quando constatamos que o veículo está carregando um peso maior do que a sua capacidade, o responsável é autuado”, explica. Dependendo da quantidade de excesso, estão previstas penalidades nas resoluções do CONTRAN. “Com começo da safra de soja o movimento é bastante grande no sentido do Porto de Rio Grande, portanto é fundamental que haja este controle”, reitera. O podcast VivaEco é produzido na estrutura da rádio interna da concessionária e o bate-papo é conduzido por Gabriela Krolow. A entrevista completa sobre este importante assunto está disponível nas plataformas de áudio: Spotify, Deezer, Google Podcasts, Rádio Public, Anchor, Breaker, Pocket Casts, Spreaker, Podcast Addict, Podchaser entre outros.

(Fotos: Larissa Martins/Ecosul) 

 

Serviço:

 

Podcast Vivaeco – episódio “Caminhão com excesso de peso”

Apresentação: Gabriela Krolow

Entrevistados: Nicolau Delucis (coordenador de tráfego da Ecosul) e Paulo Lopes Marques (técnico em serviços de transporte terrestre da ANTT).

 

Links para ouvir:

https://www.deezer.com/br/episode/290763252?utm_campaign=clipboard-generic&utm_source=user_sharing&utm_medium=mobile&utm_content=talk_episode-290763252

 

 

https://open.spotify.com/episode/1glRLpTW8mruzWIwEdb2YW?si=9Pg82A_qRNK-rGi2q59W-Q&nd=1